Vamos Alongar Nossos Cavalos?

31/10/2019 10:55

É fato que todos devemos nos alongar e nos aquecer antes e depois de fazermos exercícios físicos.

Mas.... pense um pouco.... como é o seu cavalo? Ele não é um animal, mamífero, que possui ligamentos, tendões e fibras musculares (por sinal muito mais compridas e maiores que a nossa)??

Então, alongar o cavalo trará inúmeros benefícios a ele como:

  • Melhora aptidão física,
  • Diminui o “stress” físico e a fadiga muscular,
  • Aumenta a qualidade de vida,
  • Aumenta a flexibilidade, deixando movimentos mais soltos e leves,
  • Relaxa o corpo e a mente,
  • Proporciona momentos de felicidade, relaxamento e interação entre cavalo e cavaleiro,
  • Melhora a postura,
  • Previne tendinites,
  • Ativa a circulação sanguínea,
  • Prepara os músculos para a atividade física,
  • Produz ótimos resultados no tratamento de dores no corpo.

Mas como fazer?

Em seguida daremos dicas de exercícios e alongamentos para você alongar seu cavalo. Contudo, é importante, antes de iniciar, conversar com seu veterinário e ter a orientação correta para fazer estes alongamentos, ok?

Muito importante antes de começar o alongamento, você, cavaleiro ou amazona, também alongar, e ainda abastecer o espaço onde você irá fazer o alongamento em seu cavalo com petiscos, feno, açúcar, biscoito, cenoura ou maçã.

A cada alongamento bem feito, premie seu cavalo com uma destas guloseimas.

Também é muito importante lembrar que todos os movimentos devem ser feitos com calma, carinho e muita paciência. Nem sempre na primeira vez vai dar certo, mas com o tempo e a repetição, cada dia será melhor que o anterior.

Tenha sempre em mente agradar, falar com a voz suave, fazer muita festa quando seu cavalo fizer o que você pediu e jamais brigar ou ficar com raiva por não ter alcançado sua meta. O cavalo nem sempre consegue entender o que você está pedindo.

E onde devo alongar meu cavalo?

Não é preciso nenhum local especial, apenas um local que seja seguro para você e para ele.

Pode ser na ducha (desde que fora do tronco), no secador, na ferradoria, na veterinária, na pista, no corredor das baias, dentro da baia, no piquete, enfim, onde você e seu cavalo se sentirem mais confortáveis e seguros. Por lugares seguros queremos dizer que não há locais onde o cavalo possa se machucar, escorregar ao se movimentar para um ou outro lado.

Por onde Começar?

Depois de escolhido o local, você já estar munido de todas as guloseimas, leve seu cavalo no cabresto (também chamado de buçal) até lá e o deixe com o cabresto, mas sem amarrar em nenhum local. Deixamos o cavalo parado com o cabresto solto e ficamos próximo a cabeça dele, do lado, tentando deixar sempre as 4 patas paralelas. A esta posição damos o nome de Posição Neutra

Dividimos os alongamento em 2 partes: 

  1. Pescoço e Tronco,
  2. Membros Locomotores

Pescoço e Tronco

  1. O primeiro alongamento consiste em pegar uma cenoura e com jeito fazer com que o cavalo a siga na direção de sua garupa (bem próximo a virilha).  Neste exercício estamos alongando toda a musculatura do pescoço e lateral do cavalo do lado oposto a que você se encontra. Assim que o cavalo alcançar a virilha, deixamos morder a cenoura e comer um pedaço. Então voltamos a Posição Neutra. Caso o cavalo comece a andar pare o alongamento, volte para a posição neutra e recomece. Ao recomeçar vá mais devagar com a cenoura e não peça tanta encurvatura (envergadura), peça menos, mas na mesma direção.

2. Voltamos a pegar a cenoura e vamos, novamente em direção a garupa, mas desta vez nosso alvo é levar a cabeça o mais próximo possível ao pé do cavalo.  Lembre-se de seguir as dicas dadas no exercício 1 caso o cavalo comece a andar. Assim que ele morder a cenoura, voltamos a posição neutra.

3. Voltamos a pegar a cenoura e mais uma vez vamos em direção a garupa, mas desta vez mais alto, quase na anca do cavalo ( o mais alto que o cavalo conseguir). Lembre-se de seguir as dicas dadas no exercício 1 caso o cavalo comece a andar. Assim que ele morder a cenoura, voltamos a posição neutra.

4. Na posição neutra, damos um passo para traz e ficamos ao lado das patas dianteiras (mãos do cavalo), então com um pedaço de cenoura na mão trazemos a cabeça do cavalo para baixo do pescoço. No começo é o alongamento mais difícil, até que um dia o cavalo começa até a encurvar as mãos para frente e alongar ainda mais. Quando o cavalo atingir seu máximo, dê a cenoura a ele e agrade bastante, faça muita festa!!

Membros Locomotores – Mãos

  1. Pegamos a mão do cavalo, como se fossemos limpar os cascos (I). Então colocamos nossos dedos na pinça do cavalo, atrás da ferradura (para aqueles que usam ferradura - II). Daí trazemos a pata primeiro para frente e para cima, deixando o joelho próximo (III) a espádua e aos poucos vamos estendendo a mão (IV). O cavalo vai ficar com medo e irá ou tentar empinar, ou tentar ir para traz. Não se assuste!! Acompanhe o movimento, fale baixo, suspire, assobie para ele acalmar e tente novamente. Após algumas tentativas você conseguirá a extensão total, para frente, perto do chão ( em um ângulo próximo a 45°)

 

2. Na posição perto do chão tente levantar um pouco a mão e então volte a posição mais baixa.

3. Com a mão estendida / alongada na posição em baixo, movimente a pata para os lados.

4.Flexione o joelho, eleve-o o máximo possível, mantendo a ponta do casco para baixo.

5. Agora flexionamos toda a mão do cavalo, encostando a canela no antebraço o máximo possível e empurramos o joelho para traz, o máximo que o cavalo permitir.  Em seguida coloque o casco do cavalo no chão (sem soltar) e de uma forma segura.

Membros Locomotores - Pés

  1. Novamente, pegue o pé de seu cavalo como se fosse limpar o casco. Então flexione trazendo o pé em direção a lateral da barriga do cavalo. Mantenha flexionado por alguns segundos.

2.Lentamente  estenda a pata traseira para frente, quase alcançando as mãos, porém na lateral.

3. Lembra que movimentos a pata dianteira estendida para os lados? Então, agora faça o mesmo com o pé.

4. Com muita calma, com uma mão no casco e outra na canela do cavalo, leve a pata para traz e, devagar, estenda a pata o quanto o cavalo permite. Caso o cavalo relute para estender, acompanhe o movimento e não prenda o movimento. Deixe o cavalo apoiar o pé no chão. Então retorne ao alongamento.

5. Retorne aos poucos a pata ao chão na Posição Neutra

 

Finalização

Depois de fazer tudo  para o lado direito do cavalo, lembre-se de fazer também para o lado esquerdo, afinal só teremos resultados se fizermos para ambos os lados, certo?

E para finalizar fique atrás de seu cavalo, então segure o rabo um pouco abaixo da espiga (osso final) com as duas mãos, eleve o rabo e ao mesmo tempo estenda seu braço, então flexione seus joelhos e deixe a gravidade agir para traz, tracionando a inserção do rabo com a garupa do cavalo. Retorne a posição neutra devagar.

Agora é hora de muito agrado, cenouras, etc e seguir em diante com o plano do dia!!

Caso você prefira, segue o link de nosso vídeo no youtube te mostrando alguns destes alongamentos:

https://youtu.be/b1gI4Tr7ceE

Boa sorte!!

 

Autores: Priscila Thomazelli + Leandro Laudeslau

Fotos: Academia e Escola de Equitação Troá – direitos autorais – mencionar por favor

Cavalo: Xamonix da Paixão

Texto publicao pelo site Assessoria Animal:https://www.assessoriaanimal.com.br/vamos-alongar-nossos-cavalos/