Meu cavalo ficou idoso!! E agora?? O que fazer?? Aponsetá-lo no pasto é a única opção ??

06/01/2016 15:23

Meu cavalo ficou idoso!! E agora?? O que fazer?? Aponsetá-lo no pasto é a única opção ??

 

Cavalos idosos....

Quando adquirimos um cavalo, adquirimos um verdadeiro amigo. Independente da modalidade equestre que praticamos, este cavalo torna-se parte de nossas vidas por um longo período.

Daí o tempo passa....

E com o tempo vem a idade...

A idade e o envelhecimento também tem consequências nos cavalos, assim como para nós.

Infelizmente um cavalo não tem uma longevidade como nós humanos.

E como se fosse do dia para a noite nos deparamos com o seguinte dilema: Aposentar ou Não um cavalo! Quando é a hora certa de aposentá-lo? E o mais importante: como devemos aposentá-lo?

Muitas pessoas nesta parte do texto vão responder: oras mandando o cavalo que tem perto dos 17/ 18 anos para viver solto em um piquete.

Muito bem, isso é a solução mais comum.

Mas pensem como o cavalo deve se sentir.

A partir dos 3 anos de idade (em sua grande maioria) cavalos começam a ser domados, e muitas vezes passam a viver em baias. O convívio com o humano é diário. Ele aprende a gostar desta vida e saí constantemente de sua baia (quente, aconchegante) para trabalhar e/ou para o piquete por um determinado período de tempo de cada dia.

Daí ele cria musculatura, passa a enxergar seu humano como um membro de sua manada. Se o humano entender um pouco de horsemanship, passa a ser o líder da manada que tem com seu cavalo. Isto quer dizer que o cavalo passa a confiar e respeitar totalmente no seu humano e vive feliz com isto.

Então, chega a velhice. A musculatura que antes era nova, tonificada, agora passa a precisar de cuidados especiais, os cascos já não são tão fortes, os dentes precisam de mais cuidados, porém o cérebro continua ali. O sentimento de proteção, de confiança e respeito pelo humano estão ali como sempre.

Soltar o cavalo em um piquete, implica em, muitas vezes, muda-lo de casa, tirar dele tudo o que sempre foi importante, mudar sua rotina, e quebrar sua manada. Ou seja, o cavalo derrepente passa a viver sem aqueles em que confiava e não pode, nem sequer lutar por sua continuidade no seu grupo, como poderia viver se estivesse em condições naturais de sua espécie.

Mas será mesmo que esta é a única opção para nossos amigos equinos?

Na verdade a anatomia e a fisiologia da musculatura do cavalo é muito similar com a dos humanos. Isto quer dizer que quando um cavalo entra na terceira idade, precisamos dar todo o apoio e suporte que damos aos nossos pais, avós e familiares que estão idosos.

Hoje, graças a ciência, sabemos que idosos não devem, jamais, ficar parados. Pelo contrário, devem sempre estar em movimento, tendo exercícios físicos e mentais para conseguir viver a velhice de forma saudável e feliz.

 Com cavalos devemos fazer o mesmo.


É necessário exercitar os cavalos idosos, dar atenção para eles, carinho e ser sempre os melhores lideres e coordenadores de manada que pudermos ser.

Aqui que entra o Treinamento de Equidade / Retidão.

 

Sabem, os problemas mais comuns em cavalos idosos é com relação a tendinites, ossos enfraquecidos, artroses, artrites tanto em sua coluna, como principalmente, em suas patas dianteiras (mãos). Afinal, cavalos normalmente carregam 2/3 de seu peso sobre as mãos, o que, portanto, faz com que haja um desgaste natural maior nesta parte do corpo do que nas demais.

Como o Treinamento de Equidade / Retidão faz com que o cavalo tanto em movimento como parado tenha seu peso distribuído de forma uniforme sobre suas 4 patas, podemos ajudar e melhorar a saúde, longevidade e qualidade de vida, além de proporcionar ao cavalo e seu humano ainda vários momentos de alegria, cumplicidade e felicidade. Um cavalo idoso, não necessariamente, significa que não serve mais para o trabalho.

Já temos vários exemplos de cavalos que praticam o Treinamento de Equidade / Retidão com mais de 20 anos, trabalhando, crescendo e alcançando seus objetivos, bem como havendo um melhor controle e até mesmo diminuição de suas patologias. Lógico que um cavalo idoso precisa, além do Treinamento de Equidade, uma boa nutrição e demais cuidados específicos de cada um.

Segue abaixo algumas dicas de como manter cavalos idosos em equilíbrio e bem, com um coração jovem:

 
  • Se você tiver um cavalo sênior que não tem feito muito trabalho e que não era de nenhum esporte equestre, mas você gostaria de te-lo no caminho certo por mais tempo, o primeiro passo é ter seu cavalo examinados por um veterinário para determinar seus limites. Se o seu veterinário der o OK , começamos o Treinamento de Equidade, respeitando os limites de seu cavalo dados pelo sua idade, condicionamento físico e conformação.
 
  • Se você possui um cavalo Professor, é importante lembrar que o treinamento dele não será tão puxado e forte quando de um cavalo novo.
    Antes do começar o trabalho com seu cavalo sênior, cheque como ele está: confira se ele está comendo, bebendo normalmente, verifique como está o seu humor, procure se há algum problema de pele ou algum novo machucado. Se estiver tudo bem, prossiga com seu trabalho.
  • Ao iniciar o trabalho propriamente dito, lembre-se de aquecer seu cavalo. É muito importante antes de começar andar ao passo por volta de 5 a 15 minutos, depois iniciar o trabalho com algo leve e fácil. Só depois do cavalo aquecido é que se deve pedir algo mais elaborado que exija dele fisicamente e mentalmente. Lembre-se que cavalos na “melhor idade” sempre tem dias bons e ruins, ou seja, há dias em que ele estará bem como quando era jovem, e tem dias que ele não estará tão bem. Então ajuste o trabalho de seu cavalo a estes dias.
  • Após o trabalho, não se esqueça de resfriar seu cavalo, andando ao passo novamente até que a respiração dele volte ao normal. Após descer do cavalo, é muito benéfico alongar todos os músculos que foram trabalhados (para quem gosta de dar ducha, o alongamento deve ser depois do banho).
  • Lembre-se de durante o trabalho, dar pausas ao passo para seu cavalo se recuperar, afinal, assim como nós humanos, há dias em que nossas articulações e/ou musculatura dói mais e estão mais tensa pela manhã
  •  do que a tarde.
  • Em dias muito frios, ou úmidos ou quentes em excesso poupe de  trabalhar seu cavalo. Afinal ele tem uma saúde mais frágil que um jovem e o clima pode prejudicar sua saúde.
  • Outro ponto importante é correr em excesso. Vá devagar e sempre, um passo de cada vez.
  • Mantenha a nutrição de seu cavalo idoso em dia. Não é porque ele está com idade avançada que a qualidade de sua comida deve diminuir, muito pelo contrário. Cavalos neste ponto devem ter sua alimentação balanceada e muitas vezes ainda devemos dar um pouco mais de cálcio e vitaminas.
  • Mantenha os dentes de seu cavalo idoso sempre feitos e supervisionados por um bom dentista.
  • Os cascos também merecem toda a atenção e devem sempre estar devidamente equilibrados, com boa ferradura, casqueamento e tamanhos corretos, além de ter manutenção diária com limpeza e hidratação.
  • Cavalos são animais herbívoros e de manada. Portanto dê ao seu cavalo uma vida de cavalo, tendo, além
  •  do trabalho, um tempo para ficar solto em companhia de outros cavalos (não necessariamente no mesmo piquete com outros, mas em locais em que ele possa interagir com outros da mesma espécie).
  • Viva um dia de cada vez, mas certifique-se de fornecer trabalho regular, consistente em vez de sessões aleatórias ou de fim de semana, afinal o exercício inconsistente pode levar ao desconforto e lesões .O cavalo idoso leva mais tempo para retornar do descanso, considere manter o seu cavalo tão ativo o maior tempo possível, durante todo o ano. Portanto, não pare de treinar o seu cavalo por um mês (ou mais), porque a reconstrução do músculo, flexibilidade, resistência e tonicidade levam mais e mais tempo quando os anos passam.
  • Seja feliz, cumplice e tenha ótimos momentos com seu cavalo idoso. Lembre-se de sempre dar muita atenção, carinho, companhia e não apenas agrados como açúcares, biscoitos, cenouras e outras guloseimas !!

 

Então, continue conectando-se com seu cavalo sênior !! Continue trabalhando com ele !! Tenham uma ótima “Melhor Idade” juntos

Pratique o Treinamento de Equidade / Retidão !!!