As 8 Chaves do Treinamento de Equidade / Retidão

23/11/2015 20:18

As 8 Chaves do Treinamento de Equidade / Retidão

 
 

O objetivo do Treinamento de Equidade/Retidão é ter cavalos e cavaleiros equilibrados. Com foco no cavalo, criamos 8 chaves que desenvolvem equilíbrio e simetria no corpo e membros (patas) dos cavalos. Isso significa que ao realizar estas 8 chaves o cavalo consegue se encurvar para ambos os lados, ter ambas as espáduas livres, consegue empurrar e carregar com ambos os pés e pode carregar todo o seu peso de forma igual em ambos os pés, deixando as mãos (mais frágeis) livres e, assim, aumentando a qualidade de vida e longevidade esportiva.

Todas são interligadas e cada uma liga a seguinte, sendo que não há como mudarmos a ordem delas.

 

 A Primeira Chave do Treinamento de Equidade é o “Foward Donw”, ou seja, o para baixo e para frente. Neste exercício, deixamos o cavalo parado, e através de pressão, fazemos ele abaixar a cabeça e o pescoço, de forma que a linha inferior do pescoço esteja relaxada. Os objetivos são: abrir uma comunicação entre cavalo e cavaleiro, vendo o cavaleiro como líder, aprender a relaxar durante os exercícios na pista, focando seu cavaleiro e não o que está acontecendo a sua volta.


 

A segunda chave é encurvar o cavalo para um lado e depois para o outro. Essa flexão lateral é importante para que o cavalo alongue músculos encurtados e contraia músculos alongados, fazendo assim com que haja uma equidade dos músculos laterais. 

Desta forma, começamos a ajudar o cavalo a ser simétrico para ambos os lados, perdendo sua dificuldade, e até mesmo medo, de alongar e contrair toda musculatura que antes não estava sendo usada de forma balanceada. 

 

O terceiro exercício é pisar sobre o centro de massa. Primeiro pedimos o para baixo e para frente, em seguida solicitamos o encurvatura desejada e então saímos ao passo em um círculo, pedindo sempre para que os pés do cavalo pisem sobre o centro de massa, que por sua vez, deve ser exatamente abaixo da sela. Neste momento, para o cavalo poder pisar sobre o centro de massa, há um engajamento dos posteriores, o que faz com que o cavalo faça uma abdominal, alongue os músculos da sua linha superior, alongue os ligamentos próximos da cernelha e como resultado forneça a nós a encurvatura correta, cabeça para baixo e para frente. Após o cavalo conseguir fazer isso no círculo, que é a figura mais difícil que um cavalo pode realizar, pedimos para realizar o mesmo exercício em linha reta.
 
 
A partir da 4ª chave, começamos a executar todos os movimentos laterais. O primeiro  movimento lateral é a espádua a dentro. Este exercício consiste em fazer com que a espádua do cavalo (ombro) vire-se para o lado interno da pista (lado que dá para o centro da pista, oposto a cerca) e que o cavalo continue andando na direção da cerca, trabalhando desta forma a flexibilidade, o engajamento dos posteriores, desenvolvendo ainda o apoio e a retidão do cavalo. Para ter um maior desenvolvimento da musculatura, uma maior flexibilidade de anteriores e posteriores, na chave 4 executamos a espádua a dentro em 4 linhas, afinal ao cruzar as patas dianteiras (conhecidas como mãos) o cavalo terá a musculatura da espádua alongada e quando o cavalo afasta as mãos, a musculatura será contraída fazendo com que estas musculaturas, tendões e ligamentos sejam trabalhados de forma correta fazendo uma perfeita ligação entre espáduas e o corpo do animal. Portanto, este exercício trabalha tanto o alongamento como o fortalecimento da espádua, por consequência, do dorso e garupa do equino.
 
 
O próximo exercício, com certeza, é o mais tradicional que temos em dentro do Treinamento de Equidade, tendo como seu mentor Antoine Pluvinel. Consiste em colocar o cavalo na frente do cavaleiro, com encurvatura para dentro, sem ser exagerada e com o auxilio do chicote pedir para o cavalo executar um círculo, de forma que o cavaleiro seja o centro deste círculo, formando assim um pilar. Basicamente se busca uma posição próxima a espádua a dentro. Tanto os membros da frente quanto os de traz devem cruzar. Mais uma vez, o intuito é aumentar a flexibilidade, confiança e aumentar a tonicidade muscular, equilibrando e dando coordenação motora para o cavalo se auto sustentar e engajar de forma perfeita seus posteriores.
 
 
Então, após termos flexibilidade e auto sustentação, começamos a dar mais liberdade para a espádua, através da 6ª chave que consiste na espádua a frente. Neste exercício pedimos a espádua ligeiramente para dentro, indo de forma mais livre para frente e pedimos um maior engajamento do posterior interno, iniciando o trabalho de reunião do cavalo. É muito importante ter o posterior interno sempre pisando sobre o centro de massa. Então temos a espádua a dentro em 3 pistas, conforme é solicitado atualmente em competições.
 

 
A sétima chave é engajar o posterior externo, ou seja, fazer com que o cavalo pise sobre o centro de massa com o posterior externo.  Assim que o cavalo pisa com seu posterior externo sobre o centro de massa, ele encurva. Este é um ótimo exercício para que os posteriores se fortaleçam e passem a carregar peso de forma uniforme e não a somente carregar peso na pata posterior direita enquanto empurra com a pata posterior esquerda, por exemplo. O exercício pedido é conhecido como garupa a dentro. Uma variação deste exercício que também é pedido é o Ranver e o Apoio.
 

 
 
A oitava e última chave é a Reunião. Na reunião o cavalo deve suportar o seu peso em ambas as patas posteriores de forma igual.  Ou seja, depois que o cavalo aprendeu, na sétima chave, a se sustentar e usar suas patas traseiras individualmente, é hora de pedirmos para ele engajar ambas as patas posteriores simultaneamente. Colocando o seu peso nas patas posteriores simultaneamente resultará em sua frente mais alta. Fazemos esta chave pedindo para o cavalo executar piruetas, piaffe e levade.
 
 
 
 

Portanto, nossas 8 chaves consistem em:

 

Estas  chaves devem sempre ser realizadas sob supervisão de um profissional experiente.

Lembre-se que não há forma melhor de se montar do que ter um cavalo equilibrado, físico e mentalmente, para executar o esporte que vocês praticam!! Estas chaves são a solução dos seus problemas.  Com o Treinamento de Equidade / Retidão, você e seu cavalo se tornarão os melhores que podem ser dentro de seus esportes!!